Queridos leitores...

No blog Histórias da Sementinha reúno histórias Bíblicas infantis para serem trabalhadas com as crianças, meu intuito é cooperar para que a Palavra de Deus possa chegar às crianças de forma lúdica, eficaz e verdadeira.

As histórias contidas no blog foram coletadas na internet para o meu uso pessoal, com o tempo comecei a postar para deixá-las reunidas de forma a facilitar meu ministério diário, o que começou como uma simples coleção de histórias se espalhou e se tornou útil também para diversas pessoas, sendo mães, pais, avós e ministros do evangelismo infantil.

Estou completamente aberta à sugestões e críticas CONSTRUTIVAS. Se for encontrado no blog qualquer erro de ortografia, irregularidade ou histórias que estão em desacordo com a Bíblia Sagrada peço que entre em contato comigo para que eu possa imediatamente corrigir, me retratar ou excluir a postagem, peço a compreensão de todos e apesar do meu pouco tempo disponível para a manutenção deste blog, espero que ele seja diariamente um instrumento de bênção na vida das pessoas, principalmente àqueles que possuem pouco ou nenhum recurso para a divulgação do Evangelho de Jesus Cristo nosso Senhor.

Aproveitem as histórias, divulguem e não esqueçam de deixarem mensagens, farei questão de responder a cada uma!

Que Deus abençoe cada visitante! Para todos deixo o Salmo 139.

.

.

26 de maio de 2016

A tentação de Jesus




Bem no começo de sua vida pública, Jesus foi batizado por seu primo, João Batista. Depois disso o Espírito Santo impeliu Jesus ao deserto, com o objetivo específico de expô-lo à tentação. Mesmo sendo o filho de Deus ele precisava, como todo homem, ser provado, para que todos vissem como ele se sairia.
 Ele saiu para um lugar seco e árido, onde não havia nada, nem ninguém. Só havia uns arbustos esturricados e alguns animais peçonhentos. Durante quarenta dias e quarenta noites ele estava de jejum – sem comer e sem beber nada – orando e falando com Deus. No final a fome o incomodava muito!


 Vendo o Diabo que Jesus estava muito fraco devido ao longo período de Jejum, ele resolveu aproveitar este momento. Esta era a oportunidade! Ele tinha que usar toda a sua habilidade, e não aparecer em pessoa, com chifres e tudo, mas apenas sugerir, como se fosse um mero pensamento!

Sutilmente sussurrou: - Será que o Pai não se esqueceu e não cuida mais de você? –Basta uma ordem sua e estas pedras que estão a sua frente poderiam se tornar em pão. Pão gostoso, fresquinho, igualzinho aos de usa mãe. Hmmmm! Tudo estaria resolvido!


 Jesus pensou adiante e logo se lembrou que nas Sagradas Escrituras estava escrito que ‘não só de pão vive o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus Pai!’ Às vezes, a ocupação com as coisas aqui da terra atrapalha o andamento das coisas celestiais, e, assim sendo, isto deve ser evitado.

O diabo não desistiu! Jesus estava fraco, e esta era a hora. Ele logo veio com outra história, pondo em dúvida de quem Jesus era de fato. Ele disse a Jesus: - Prove que você é o filho de Deus. Prove que você não é um homem qualquer, para que todos saibam que você é Deus!


De maneira bem convincente, o Diabo citou as Escrituras Sagradas, dizendo: - Não está escrito que Deus cuidaria de seu filho? Pois então, pule do alto do templo em Jerusalém, e todos o verão como os anjos do seu pai cuidam de você!


- Você já tem certeza do amor do seu pai por você e sabe que Deus não vai deixar que você morra. Os anjos o sustentarão no ar, e você não sofrerá um único arranhão sequer. Agora você tem a chance de provar isto a todos em Jerusalém e ninguém mais duvidará, que você é de fato o filho de Deus!


Jesus respondeu ao Diabo citando novamente as Escrituras: - Mas também está escrito nas Sagradas escrituras que não devemos provar a Deus! Este não é o tipo de coisa que devemos solicitar a Deus!


Novamente o Diabo procurou uma brecha pela qual ele pudesse seduzir a Jesus. Jesus estava tão isolado, tão pobre, tão desamparado... Então lhe veio uma nova idéia: ele própria a Jesus um caminho mais fácil, que evitaria muito sofrimento. Ele tinha uma idéia grandiosa, e, com certeza, pagaria Jesus de jeito!


O Diabo levou Jesus a um monte muito alto e mostrou-lhe todos os reinos do mundo e o seu esplendor. Chegou a Jesus e propôs: - Eu farei de você um Rei poderoso, todos os reinos deste mundo te servirão e te adorarão. Eu te darei toda autoridade sobre eles e toda sua glória.


– Eu posso fazer isso porque todos os reinos me foram dados e eu posso dá-los a quem eu quiser! Basta apenas que você se ajoelhe diante de mim e me adore! É muito simples e muito rápido, e você não precisará trilhar um caminho de dor! Depois que você for rei, fará o que eu quiser!


Mas Jesus ficou indignado e percebeu a armadilha que o Diabo estava armando. Mais do que depressa, ele respondeu: - Sai de perto Satanás! Nas Escrituras está bem claro que o único ser que devemos adorar é a Deus e a ninguém mais!


Finalmente, o Diabo se calou. Agora ele sabia que tipo de Rei Jesus seria: ele não seria um Rei autoritário, mas um Rei que serve. Não seria um Rei que manda em todas as pessoas. Mas seria um rei que sofreria por elas. Então os anjos vieram e serviram a Jesus.



(Mateus 4.1-11, Marcos 1.12-13 e Lucas 4.1-56)





Clique e visite o site oficial:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recadinho!!!