Queridos leitores...

No blog Histórias da Sementinha reúno histórias Bíblicas infantis para serem trabalhadas com as crianças, meu intuito é cooperar para que a Palavra de Deus possa chegar às crianças de forma lúdica, eficaz e verdadeira.

As histórias contidas no blog foram coletadas na internet para o meu uso pessoal, com o tempo comecei a postar para deixá-las reunidas de forma a facilitar meu ministério diário, o que começou como uma simples coleção de histórias se espalhou e se tornou útil também para diversas pessoas, sendo mães, pais, avós e ministros do evangelismo infantil.

Estou completamente aberta à sugestões e críticas CONSTRUTIVAS. Se for encontrado no blog qualquer erro de ortografia, irregularidade contra a lei de direitos autorais, ou histórias que estão em desacordo com a Bíblia Sagrada peço que entre em contato comigo para que eu possa imediatamente corrigir, me retratar ou excluir a postagem, peço a compreensão de todos e apesar do meu pouco tempo disponível para a manutenção deste blog, espero que ele seja diariamente um instrumento de bênção na vida das pessoas, principalmente àqueles que possuem pouco ou nenhum recurso para a divulgação do Evangelho de Jesus Cristo nosso Senhor.

Aproveitem as histórias, divulguem e não esqueçam de deixarem mensagens, farei questão de responder a cada uma!

Que Deus abençoe cada visitante! Para todos deixo o Salmo 139.

.

.

2 de outubro de 2012

Sansão e Dalila


Sansão foi uma criança abençoada por Deus desde o dia em que nasceu.
A mãe de Sansão recebeu a visita de um anjo que disse:
- Este menino é consagrado a Deus. Seu cabelo nunca deverá ser cortado, e a força do senhor estará com ele.


Sansão cresceu e se tornou um homem muito forte. Ninguém vencia Sansão.
Nessa época, os israelitas estavam em guerra com os filisteus. Os filisteus tentaram prender Sansão na cidade de Gaza.
Ele arrancou as portas da cidade e foi embora. Os filisteus procuravam um jeito para vencer Sansão. Quando Sansão se apaixonou por Dalila, que era uma moça filistéia, eles pediram a Dalila que os ajudasse a descobrir o segredo da força de Sansão.



Prometeram a Dalila muitas riquezas. Ela, então, aceitou.
Certa noite, Dalila perguntou a Sansão:
-Sansão, conte para mim. Você é tão forte. Como pode ser vencido?
Sansão respondeu:
- Cordas novas. Se me amarrarem com cordas novas, eu ficarei fraco.
Quando Sansão dormiu, Dalila o amarrou com cordas novas e, depois gritou:
- Sansão os filisteus estão aqui!
Sansão arrebentou as cordas com facilidade e se livrou.


Dalila tentou duas vezes mais, amarrou Sansão com vergas de vime
e as tranças de Sansão em um tear. Sansão destruiu tudo.
   Zangada Dalila fingiu que estava triste e disse:
   - Você não me ama, Sansão! se me amasse, falaria a verdade!
   Sansão então contou o segredo:
   -Sou consagrado a Deus, meu cabelo não pode ser cortado.
Perderia a força, se isso acontecesse.
   Dalila esperou Sansão dormir e cortou todo o seu cabelo.
Chamou os filisteus que o prenderam.



Sansão foi torturado, furaram os seus olhos e o fizeram escravo.
Certa ocasião, deram uma festa e trouxeram Sansão para o humilharem.




Acorrentaram seus braços nas colunas centrais do templo para que todos os vissem.

   Os cabelos de Sansão tinham crescido, e ele sentia-se arrependido de ter
desobedecido a Deus.


Sansão, então, orou a Deus:

   - Senhor, lembre-se de mim. Dê-me a sua força pela última vez.

   Ele abraçou as colunas e, com enorme esforço, derrubou todo o templo.

   Os filisteus foram vencidos. Deus ouviu a oração de Sansão e lhe deu a sua última vitória.











Um comentário:

Deixe seu recadinho!!!