Queridos leitores...

No blog Histórias da Sementinha reúno histórias Bíblicas infantis para serem trabalhadas com as crianças, meu intuito é cooperar para que a Palavra de Deus possa chegar às crianças de forma lúdica, eficaz e verdadeira.

As histórias contidas no blog foram coletadas na internet para o meu uso pessoal, com o tempo comecei a postar para deixá-las reunidas de forma a facilitar meu ministério diário, o que começou como uma simples coleção de histórias se espalhou e se tornou útil também para diversas pessoas, sendo mães, pais, avós e ministros do evangelismo infantil.

Estou completamente aberta à sugestões e críticas CONSTRUTIVAS. Se for encontrado no blog qualquer erro de ortografia, irregularidade ou histórias que estão em desacordo com a Bíblia Sagrada peço que entre em contato comigo para que eu possa imediatamente corrigir, me retratar ou excluir a postagem, peço a compreensão de todos e apesar do meu pouco tempo disponível para a manutenção deste blog, espero que ele seja diariamente um instrumento de bênção na vida das pessoas, principalmente àqueles que possuem pouco ou nenhum recurso para a divulgação do Evangelho de Jesus Cristo nosso Senhor.

Aproveitem as histórias, divulguem e não esqueçam de deixarem mensagens, farei questão de responder a cada uma!

Que Deus abençoe cada visitante! Para todos deixo o Salmo 139.

.

.

17 de fevereiro de 2012

A arca de Noé



A Bíblia conta-nos a história de um homem chamado Noé, que era justo e íntegro entre o povo. Noé era amigo de Deus e por isso foi avisado por Deus, de que um dilúvio iria vir sobre a terra, pois a terra estava cheia de pessoas muito más que só faziam aquilo que era errado aos olhos de Deus.
Deus disse a Noé: « Noé, decidi que este pecado na terra tem de terminar, por isso quero que faças uma arca de tábuas de cipreste, e nela farás compartimentos e a calafetarás com betume por dentro e por fora, a medida da arca será de trezentos côvados de comprimento, cinquenta de largura e trinta de altura, farás ao redor da arca uma abertura de um côvado de altura, a porta da arca vais colocá-la de lado, farás também pavimentos na arca, um em baixo, depois um segundo e um terceiro.
Porque Eu vou derramar água sobre esta terra, para consumir todos os pecadores que não temem o meu nome. Tu, porém serás salvo, tu e a tua casa, e assim farás, de tudo o que vive, de toda a carne, dois de cada espécie, macho e fêmea, farás entrar na arca, para que sejam conservados vivos, junto de ti, das aves também levarás contigo segundo a espécie, do gado segundo a espécie, de todo o réptil segundo a espécie, dois de cada entrarão contigo naquela arca. Leva contigo tudo o que se come, para te alimentares a ti e á tua família e aos amimais. »
E assim fez Noé como Deus lhe tinha ordenado. Mas Noé como era um homem bom, falou a todas as pessoas daquela terra acerca daquilo que iria acontecer, mas as pessoas não acreditaram nele e riam-se dizendo:
« O velho Noé está maluco, pois anda por aí dizendo que Deus vai mandar chuva á terra, e nós temos que nos arrepender dos nossos pecados e respeitar Deus, ah!ah!ah! Isso é que era bom! Nós nunca vimos chover na terra, como é que ele diz que vai chover? Não acreditamos nisso, o velho Noé está maluco. »
E Noé continuou a trabalhar na arca e a falar acerca daquilo que iria acontecer. Durante cento e trinta anos ele falou e falou ..., mas ninguém lhe deu ouvidos. Finalmente chegou o dia em que a arca ficou pronta e disse Deus a Noé: « Noé entra na arca tu e toda a tua casa, porque tens sido um homem justo e fiel diante de mim, é chegada a hora, pois este povo teve cento e vinte anos para se arrepender e não o fez, agora tenho que fazer vir a chuva sobre a terra, leva a tua família e os animais que eu te ordenei que ajuntasses e entra na arca. »
E o Noé entrou na arca e assim que ele entrou começaram a cair gotas de água na terra, ...ping...ping...ping. Cada vez a chuva caia com mais força e quando o povo da terra viu a chuva a cair começaram a correr para o cimo do monte onde Noé tinha construído a arca, e começaram a gritar:
« Noé abre-nos a porta! Agora acreditamos que aquilo que falavas é verdade, deixa-nos entrar! Mas Noé tristemente respondeu-lhes: « Mesmo que eu quisesse abrir-vos a porta não poderia, pois O Senhor Deus fechou a porta por fora e nós não podemos abri-la.»
A chuva caiu na terra durante quarenta dias e quarenta noites sem parar, até que inundou toda a terra. Então Deus fez soprar um vento sobre a terra e as águas baixaram, a chuva parou.
Quarenta dias depois da chuva ter parado, o Noé abriu uma janela da arca e soltou um corvo, mas o corvo não encontrando lugar para pousar voltou para a arca, então Noé soltou uma pomba e a pomba quando voltou trazia consigo um ramo de oliveira, que era um sinal de que as águas tinham baixado.
Deus abriu a arca e Noé saiu com a sua família e todos os animais.

Então Deus falou com Noé e disse: « Agora quero que te multipliques nesta terra e que cuides dela, e prometo que a terra jamais será destruída por água, e para saberem que aquilo que falo é verdade, colocarei no céu o sinal da minha promessa, nas nuvens colocarei o meu arco e esse arco será o sinal da minha promessa, quando cair chuva sobre a terra então logo aparecerá esse arco, que se estenderá sobre a terra. Porque Eu sou Deus. » Génesis 6:1
Assim foi, o arco - Íris que vemos hoje depois da chuva é o arco que Deus colocou no céu como sinal de que Ele é um Deus fiel e verdadeiro.
Desejo que tenhas gostado da história de Noé, ela é um exemplo para a nossa vida de como devemos viver de uma forma agradável a Deus. Para que O Senhor não envie " chuva " para a nossa terra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recadinho!!!